16 de janeiro de 2014

Casos & Acasos-Capítulo IV



Anteriormente em Casos & Acasos...

"(S/N) deu a noticia aos tios, de que havia entrado na academia musical de Londres, porém seu tio disse que não a permitiria de ir. Com tudo (S/A) ficou muito triste, ficando emburrada o dia inteirinho no colégio e chegando em casa se trancou no quarto. 
Logo Depois seu tio decide ter uma 'conversinha de adulto'. Sua tia se meti na conversa, e (S/N) fica confusa do poderia ser."

Atualmente...

~Narrador Oculto~

Agora deitada em sua cama, com seus fones nos ouvidos. Lendo um livro pela décima vez o qual o nome era "Orgulho & Preconceito". Na porta de seu quarto, havia alguém nela. A menina decide atende-la, apenas dizendo um: "ME DEIXA EM PAZ!"
A pessoa insisti e então ela apenas diz: "ARG! AGORA QUE JÁ ME IRRITOU BASTANTE, ENTRA LOGO, MERDA!... A VIDA É FODA, CARA!"
Era seu tio Miguel e sua tia Christina que foi logo atrás dele. Queriam conversar com você, sobre a viagem, a academia e tudo como seria a vida em Londres. Principalmente a distância e a saudade. Ahh e eles tinham uma boa notícia pra você.

~VOCÊ ON~

TIO: (S/N), querida, tem sido muito duro pra mim, saber que a minha querida sobrinha vai se afastar de mim por um tempo. Dói saber disso! Eu sinceramente, não estou fazendo isso por mal. É porque... - eu o interrompi.
EU: É porque você é um egoísta! - disse olhando para o livro.
TIO: Okay, querida eu sei que errei e espero que me perdoe!
EU: Como? Eu vou te perdoar e depois?
TIO: Ahh eu não sei, Mas... Depois eu compro as passagens para você ir para Londres.
EU: Sério?!
TIO: Uhum! - assentiu.
EU: Eu te amo, tio! - o abracei e abracei minha tia também - Eu amo muito vocês!
TIA: Ééér... (S/N) querida!
EU: Sim tia.
TIA: Temos mais uma coisa pra dizer.
EU: Então digam!
TIA: Eu estou grávida. - ela sorrio e eu gelei na hora.
EU: Mas como se senhora não podia ter filhos?
TIA: Não sei como, só sei que nós conseguimos e agora eu estou grávida.
EU: Era por isso que vocês não queriam que eu fosse. Para que a nossa família não se separasse.
TIO: Sim!
EU: Relaxem, agora que estou indo para lá, será tudo diferente, a rotina, mas a família e os amigos sempre serão os mesmo e nada mudará! - encerrei e eles me abraçaram e disseram "Eu te amo".

(...) 

Depois que havia passado tudo aquilo, liguei para as meninas para nós ajeitarmos tudo para ir na próxima semana para Londres.


2 dias depois...

Já havia terminado de ler "Orgulho & Preconceito" ,e adorei o fim, então decidi começar a ler "Hamlet". Estava lendo a parte em que o 'fantasma' do pai do príncipe Hamlet aparece para ele. Ao terminar de ler toda a página, decido ligar o not, e ver as redes sociais.
De repente Fláh me chama no chat e começa a conversar comigo.

CHAT ON~

Flávia Mr.Boo:
"Amiga vamos no shopping?"
(S/N DO WHAT'S APP):
"Olha Fláh, não estou me sentindo nadinha bem! Mas eu vou porque eu estou meio tensa com umas coisas aqui em casa."
Fláh:
"Okay! Então se arruma que daqui à 30mns. eu to aí!"
(S/N):
"Tá bom! Xx"
Fláh:
"Xx... Te amo gata!"

CHAT OFF~

Me arrumei bem rapidinho com essa roupa, em seguida liguei para o Jorge e pedi pra ele ir conosco.

LIGAÇÃO ON~

JORGE:
Alõ?!
EU:
Oi, Jorge é o seguinte. A Fláh e eu, estamos pensando em ir no shopping. Quer ir com a gente?
JORGE:
Okay, tudo bem, então! Chego aí em 10mns. eu já estava pronto, porque eu ia na farmácia comprar remédio para dor de cabeça. Compro lá no shopping mesmo.
EU:
Tá bom. Beijo, tchau!
JORGE:
Beijo... e tchau!

LIGAÇÃO OFF~

10mns. depois lá estava Jorge, vestido com uma blusa branca escrita "War", sapa-tênis quadriculada e uma calça jeans básica.
5mns. depois Fláh chega com a seguinte roupa e nós vamos rumo ao Shopping.

(...)

Quando chegamos no shopping, Fláh resolveu dar a louca de querer ir no banheiro. Já estávamos na fila do ingresso do cinema. De repente Fláh e Jorge começam a discutir entre si.

FLÁH: Jorge deixa de ser otário!Claro que eu não te amo garoto. Não te iludas, valeu?!
JORGE: Ahh! Mô eu te amo, tá?!
FLÁH: Me deixa em paz garoto!
EU: Gente, chega! Saco... Só sabem brigar caramba!... To com fome!
FLÁH: Ahh! De pois a gente come... Depois disso tudo me deu vontade de ir no banheiro! Vamos comigo SEUNOME, JORGE NÃO, SEUNOME SIIIIM!
EU/JORGE: Aff!!!

Fui ao banheiro com ela e Jorge veio atrás.


Fláh foi no banheiro e eu fiquei esperando do lado de fora.
De repente Jorge me jogou na parede e me beijou. Foi um beijo calmo, molhado e quente. Em seguinda Flávia chega dizendo:

FLÁH: Tá de sacanagem?! Aff! Que NOJOOO! Vamos embora pessoal...
EU: Flávia cala a boca. - Jorge me  puxa pra mais um beijo.
FLÁH: Claro... Eu to falando demais, e você tá muito ocupada sendo engolida pelo fodão aqui.
EU: Ai, basta! Vamos Flávia ...

Então fomos embora e não vimos o filme. No meio do caminho instalou-se um silêncio constrangedor entre nós, então decido me pronunciar.

EU: Gente ainda to com fome! Acabou que nós não comemos.
FLÁH: (S/N) eu não acredito que depois de tudo isso, você teve a coragem de dizer que tá com fome.
EU: Depois de tudo o que Flávia?!
FLÁH: Depois do Jorge ter te comido, você me vai e diz isso? Tá de sacanagem, né?!
JORGE: (S/N) eu tenho bala aqui, você quer? - ele tira uma mentos do bolso da calça.
EU: Tá, pode ser. - estendi a mão e ele me deu a bala, em seguida ele me pegou pela cintura e começou a me beijar. Dessa vez um beijo feroz, com pegada, mas ainda sim quente.
FLÁH: Ai, que nojo! Vão fazer isso na cama. - disse ao nos olhar.

(...)

Já estávamos na faixada da minha casa, quando Fláh resolve se pronunciar.

FLÁH: (S/N) eu vou usar seu quarto, sua maquiagem, seu sapato, sua piastra, seu secador, ou seja, TUDO SEU para uma festa. (risos) - comecei a rir e Jorge também.
EU: Sua folgada. Num vai querer minha calcinha também não?! - riamos muito.
FLÁH: Não, não! Obrigada mesmo assim amiga.
EU: Cara, mas porque vocês me acompanharam até minha casa? Não a Flávia não conta, porque ela mesma disse que vai usar tudo meu para ir numa festa. Mas e você Jorge?
FLÁH: Sua bobinha nós já iriamos vir aqui... Jorge veio para te dar uns amasso. - ela cochichava.
JORGE: Cala a boca! Ela vai descobrir...
EU: Descobrir o que? - quando abri a porta, levei uma grande surpresa.


Continuuo com dois comentários!